quarta-feira, 10 de janeiro de 2018

Príncipe Encantado

Sim às vezes sinto-me triste, às vezes sinto um vazio,  às vezes choro,  às vezes quero fugir,  simplesmente desaparecer,  as coisas não são faceis,  mas eu também não colaboro,  pois quando o castelo desaba, eu irei ser a única que pega nas pedras e tenta reconstruir,  a única que ajuda o pilar a não cair,  todos saíram,  o mundo está a desabar,  e ninguém é capaz de segurar tudo comigo,  existem guerreiros no chão,  guerreiros perdidos mas jamais esquecidos,  se tenho pena,  claro!  Apesar da escuridão e das circunstâncias,  que a minha vida tomou não irei desistir,  sei que irá chegar o dia,  tem que chegar o dia,  que poderei passar o testemunho e descansar de todo o esforço obtido, desperdiçado,  para assim outra pessoa proteger,  o legado que protegia,  para assim essa pessoa proteger o meu Castelo encantado,  mas enquanto isso não acontece, cá estou eu a levantar muralhas e paredes,  está a cair,  mas ainda não caiu e já é um avanço..

Um ser terrestre ganhando luz

Sei que tenho estado ausente,  aliás estive a vida toda,  mas agora sei o que é estar presente e vou me fazer ver,  o sol irá sair de mim,  como uma pomba branca que voa num dia de chuva,  assim espera radiante,  talvez excitante, relembro tudo o que passei e como superei,  mais um dia passou,  a onda levou mas não derrubou..  Firme fiquei,  de pé lutei,  não vacilei,  hoje VENCI,  no fim cresci,  para trás das costas meti todo o mal que mandaram para mim,  no passado meti quem não me queria bem,  e sabem que mais,  não pude ficar mais feliz,  pois sei,  que depois de tudo irei voltar a mostrar a minha luz, a luz que tive e que apagou,  tão cedo alguém roubou e sem mais me abalou,  tentou e se esforçou para tirar o que resta de humanidade dentro de mim,  não sei bem se resultou,  por dentro lutei,  contra mim mesma falhei,  não sei onde errei,  mas sem mais demoras recomecei,  caí,  escorreguei mas nunca jamais recuei,  hoje sou rei,  sou grande,  sou guerreira,  nas lutas entrei umas perdi outras venci,  mas já mais desisti,  pois desistir é para os fracos e eu sou forte!

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

Perdi ou quis perder?

No vazio,  lembro-me de ti,  de como eras e como éramos...
Éramos o Yin e o Yang, um do outro,  cada caraterística refletiu-se no outro,  cada defeito meu,  tu compreendidas e cada qualidade também, tínhamos ideias e pensamentos em comum,  que mais ninguém conseguia ver,  que ninguém a não ser nós sabíamos,  mas se antes eu achava que o nosso futuro estava perto de acontecer,  agora sei que não passa de um espaço de tempo que não irá acontecer,  que não passa de pensamentos ocultos em fragmentos perdidos na minha memória, fragmento esses que me estam a fazer esquecer-me de ti, a  distância física não perdoa e a psicológica também nao,  sobretudo se a tua mente está com outro alguém que não seja eu,  sim..  Tenho saudades,  mas sempre soube que o que é verdadeiramente nosso e o que também esta destinado a ser,  voltara um dia para nós,  e assim espero,  pois não estou capaz de te guardar já nas minhas memórias,  nas minhas recordações,  não quero esquecer-te,  não agora,  recuso-me!
Infinitamente esperarei por nós 😭

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017

ATTENCION

Atenção amores, ando a publicar post's novos, mas com datas diferentes, tomem atenção ❤❤

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

Será que sou feliz?

Vejam está situação,  moras com os teus pais, fazes tudo por eles,  ajudas com as contas,  emprestas dinheiro,  sem estabelecer prazo de quando queres o dinheiro de volta,  não és drogado/a,  nunca reprovaste na escola, não eras um excelente aluno,  eras mediano,  não és mau para os outros,  ajudas no que poderes,  como poderes..  Porém estão sempre a lixar-te,  toda a vida..  Não te davas com ninguém dá tua família a não ser país e irmãos...Sempre que havia discussões de merda em casa,  poderias ficar sem a casa,  sem telemóvel,  sem água,  sem gás,  sem luz,  sem tudo, porque se recusavam a pagar as contas,  tinhas ameaças de morte,  se algo não corresse bem e ainda ouvi-as a dizer que te ponham fora de casa,  como se fosses um delinquente,  quando tudo o que tu farias era estar no teu canto,  diziam que a casa não era tua,  que tu eras um parasita ingrato,  que só vives as custas deles, enquanto tu,  nunca lhes pediste nada sempre pagas-te o que querias e não querias, pagavas a tua roupa,  alimentação escolar,  ajudavas apagar as contas de casa,  pagavas a faculdade, e ainda tinha que sobrar dinheiro para o passe,  e tu é que eras o filho horrível.
Horrível,  eu??  Comparando com os filhos dos outros que fumam estupefacientes,  que são maus alunos,  que não fazem pelos pais metade do que fiz pelos meus, para depois ouvir dizer que sou uma filha horrível, que a casa é dele,  que se um dia um deles morrer somos abandonadas,   que querer nos ver mortas,  que pai é este?
Para não falar daquilo que não sabem..  Iria escrever muito e não quero
A resposta a minha pergunta é só ESTOU CANSADA DESTA VIDA DE MERDA,  ÀS VEZES TEMOS QUE SER MAUS,  JÁ NÃO TENHO DÓ NEM PIEDADE DELE,  ELE QUIS GUERRA,  AGORA HA-DE VER A FILHA HORRÍVEL QUE SOU,  A VERDADEIRA FILHA QUE ELE GOSTARIA QUE EU FOSSE.

SE TU DÁS AMOR TU RECEBES AMOR A TRIPLICAR,  SE TU DÁS ÓDIO TU RECEBER A TRIPLICAR,  O KARMA É FUDIDO,  MAS ELE VEM,  MAIS TARDE OU MAIS CEDO,  O UNIVERSO ENCARREGASSE DE METER TUDO EM ORDEM,  TUDO COMO DEVE SER.